A Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou as contas dos governadores do Distrito Federal, José Roberto Arruda, Paulo Octávio Alves Pereira, Wilson Ferreira de Lima e Rogério Schumann Rosso, relativas ao exercício de 2010.

No ato de aprovação, ressaltou as responsabilidades imputáveis às autoridades e a outros agentes públicos por eventuais infrações legais e danos de qualquer espécie contra a administração pública e também endossou as determinações, ressalvas e as recomendações constantes do Relatório Analítico e Parecer Prévio, referente ao exercício de 2010, consignadas pelo Tribunal de Contas do Distrito Federal.

Confira o teor do Decreto Legislativo n° 1.995 de 2013, publicado no Diário Oficial do Distrito Federal.