Foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 7, pelo Conselho Nacional de Política Fazendária – Confaz, nova tabela com preço médio ponderado ao consumidor final de combustíveis.

O Confaz é um órgão colegiado, vinculado ao Ministério da Fazenda, ao qual compete, dentre outras atividades, promover a gestão do Sistema Nacional Integrado de Informações Econômico-Fiscais – Sinief, para coleta, elaboração e distribuição de dados básicos essenciais à formação de políticas econômico-fiscais e ao aperfeiçoamento permanente das administrações tributárias, nos termos do que dispõe o art. 33 do Decreto nº 7.482/2011.

O Acre é o estado com os combustíveis mais caros do país, enquanto o Piauí é o que apresenta o menor valor médio. Os estados do Centro-Sul, mesmo próximos às reservas, apresentam preços elevados. No Rio de Janeiro, estado maior produtor de petróleo do país, por exemplo, o preço médio da gasolina é R$ 3,13 por litro.

Veja a tabela completa de valores praticados.

Comentários do CAB: Com isso, será preciso, eventualmente, averiguar se não há necessidade de adequação aos novos patamares dos preços que estão sendo pagos pela Administração nos contratos em vigor, e aqueles que estão estipulados em licitações em andamento.