A presidenta da República, Dilma Rousseff, anunciou nesta sexta-feira, 31, a abertura ao Orçamento Fiscal da União em favor do Ministério da Educação, de crédito suplementar no valor de R$ 675 milhões. A decisão está publicada no Diário Oficial da União.

Os recursos necessários à abertura do crédito são resultados da junção do superávit financeiro apurado no balanço patrimonial de 2013, no valor de R$ 560 milhões, do excesso de arrecadação de recursos próprios não financeiros, de R$ 47 mil, e da anulação parcial de dotações orçamentárias, no total de R$ 114 milhões.

Os valores deverão ser investidos, segundo a previsão, na formação profissional, científica e tecnológica, na restruturação das unidades de ensino federais, entre outras áreas. Isso mostr