A Controladoria-Geral da União – CGU publicou portaria na qual institui as diretrizes da chamada Política de Segurança Corporativa. O objetivo é garantir a disponibilidade, integridade e autenticidade das informações disponíveis no âmbito do órgão. Para tanto, agentes públicos, colaboradores e visitantes terão de se adaptar às regras.

A política traz regras para arquivos físicos e digitais, bem como os responsáveis por cada ação.  Há uma seção exclusiva para tratamento dos incidentes de segurança – os quais serão continuamente aprimorados –, outra para auditoria e controle de informações e algumas sobre diversos tipos de gestão de pessoal.

Comentários do CAB: A norma é bastante abrangente e vaga em muitos aspectos. No geral, ela apenas define atribuições, sem entrar no mérito do “como fazer”.