A Universidade Federal de Viçosa, localizada na cidade de mesmo nome, em Minas Gerais, aplicou penalidade de impedimento de licitar e contratar com a União pelo prazo de três anos, além de multa de 10% sobre o valor dos contratos firmados. A empresa punida foi a INFORMÁTICA.COM LTDA, que deve ainda o contrato rescindido devido a inexecução total das obrigações assumidas.

A Informática.com foi descredenciada do Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores – SICAF e terá registrada a punição no seu histórico.

A Universidade de Viçosa é uma das que mais pune as vencedoras de seus certames. Somente aqui no CAB, já noticiamos mais de cinco punições somente este ano a empresas de diversos segmentos. A referida universidade é um centro reconhecido principalmente pelas ciências agrárias e ciências exatas, foi reconhecida pelo MEC como a 7ª melhor universidade do Brasil baseando-se na prova do ENADE de 2009 e uma das três melhores de Minas Gerais.

Comentários do CAB: A Universidade Federal de Viçosa publica constantemente punições para empresas vencedoras de certames promovidos no âmbito da instituição. É preciso uma análise mais aprofundada dos órgãos de controle sobre esta questão. Algo está acontecendo de errado: ou na elaboração do edital, na adjudicação ou no momento da execução contratual. Não é possível que a universidade seja tão “azarada” ao ponto de só atrair empresas descompromissadas em suas licitações.

Pode ser, ainda, que esteja havendo um excesso de severidade por parte da equipe de licitação, o que está causando as reiteradas punições aos envolvidos.