Por intermédio de uma portaria, o Ministério da Defesa alterou para R$ 6,40 o valor da etapa comum de alimentação dos militares das Forças Armadas. O montante corresponde à importância paga em dinheiro para custeio da alimentação diária do militar.

Comentários do CAB: Chega a ser inacreditável o pagamento de um valor deste para a alimentação diária. Que tipo de comida é possível comprar com apenas R$ 6,40? Quantas refeições este militar conseguirá fazer com um auxílio desse porte? Como as forças armadas podem exigir que seus militares permaneçam saudáveis e em forma se não fornecem sequer as condições necessárias para uma alimentação digna?