O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário – MDS autorizou a realização do “Prêmio Rosani Cunha de Desenvolvimento Social – Edição Especial: Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal”, que busca identificar e divulgar práticas bem-sucedidas e inovadoras na gestão do Cadastro Único, executadas nos níveis municipal, estadual e do Distrito Federal.

​Conforme destaca o portal da Caixa Econômica Federal, o Cadastro Único é um conjunto de informações sobre as famílias brasileiras em situação de pobreza e extrema pobreza. Essas informações são utilizadas pelo Governo Federal, pelos Estados e pelos municípios para implementação de políticas públicas capazes de promover a melhoria da vida dessas famílias. Constam do cadastro as famílias que ganham até meio salário mínimo por pessoa; ou que ganham até 3 salários mínimos de renda mensal ​tota​l.

A portaria que instituiu o prêmio destaca como objetivos: sistematizar as informações a respeito das boas práticas de gestão; estimular a rede de gestores estaduais e municipais, com vistas à melhoria dos processos de gestão, implementação, monitoramento e integração do Cadastro Único com diferentes políticas públicas; valorizar o trabalho dos dirigentes e das equipes municipais e estaduais por suas iniciativas inovadoras na gestão do Cadastro Único; reconhecer e valorizar o trabalho dos entrevistadores do Cadastro Único por sua atuação direta junto às famílias atendidas; dentre outros.

As informações detalhadas sobre o prêmio serão publicadas em edital específico, conforme previsto em portaria nº 112, publicada no Diário Oficial desta segunda-feira, 15 de julho.

Outras edições do prêmio Rosani Cunha

No ano de 2013, foi realizado o Prêmio Rosani Cunha: Edição Especial – Bolsa Família 10 Anos, que selecionou 12 projetos de práticas inovadoras na gestão do programa federal. Os vencedores receberam um certificado de reconhecimento pela contribuição aos objetivos do Bolsa Família. Dentre os premiados, os responsáveis por três projetos municipais e uma estadual viajaram para conhecer um programa de transferência de renda na América Latina. Os vencedores também visitaram o México, em 2014, acompanhando missão internacional para conhecer o programa de transferência de renda mexicano.