O Ministério do Esporte cria, pela Portaria nº 238, de 2 de outubro de 2014, a Câmara Setorial da Indústria, Comércio e Serviços do Esporte e Atividades Físicas que deverá subsidiar o órgão em assuntos de sua competência.

A Câmara Setorial é uma instância colegiada que tem o objetivo de propor, apoiar e acompanhar ações para o desenvolvimento das atividades da cadeia produtiva do esporte e das atividades físicas relacionadas.

Com a medida, o Ministério do Esporte espera aliar a maior representatividade possível de setores da Administração Pública com a operacionalidade do colegiado.

A Câmara contará com a atuação de representantes das instituições do setor produtivo e esportivo, da sociedade civil e do Governo. A Associação Brasileira da Indústria de Máquinas – ABI-MAQ, a Associação Brasileira da Indústria do Esporte, os comitês olímpico e paralímpico brasileiros, as confederações brasileiras de futebol, atletismo, vôlei, basquete, clubes e o Conselho Federal de Educação Física, são algumas das entidades componentes do órgão colegiado.

Na Administração Pública, a Câmara Setorial será composta de representantes dos Ministérios do Esporte, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, das Relações Exteriores e da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e da Autoridade Pública Olímpica.

Todos os componentes deverão ser indicados pelos seus respectivos órgãos em dez dias. A Câmara ainda poderá convidar outras entidades nacionais do desporto, autoridades, técnicos, especialistas ou gestores estaduais e municipais para participarem de reuniões.