O Ministério Público Federal – MPF acabou de lançar um aplicativo que acilitará o acesso do cidadão ao órgão. Por meio do sistema, qualquer usuário poderá fazer denúncia em tempo real, solicitar informações e pedir informações processuais por meio do aplicativo, disponível para smartphones com sistemas iOS e Android. O “SAC MPF” é gratuito e pode ser encontrado na PlayStore ou na AppleStore.

Em matéria publicada no portal do MPF, são destacadas algumas das funcionalidades do aplicativo. “Como 2016 é ano de eleições municipais, o MPF espera que a ferramenta seja bastante utilizada, principalmente nas cidades pequenas, onde não há procuradores regionais eleitorais”, menciona o texto.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, mencionou que o MPF busca “evoluir e inovar” com instrumentos mais modernos, além de favorecer a transparência e garantir acesso às informações de forma mais rápida.

A ferramenta foi desenvolvida pela área de tecnologia da informação do MPF e é baseado em software já existente, criado para a Sala de Atendimento ao Cidadão do MPF por meio eletrônico (cidadao.mpf.mp.br). Tanto na Sala de Atendimento ao Cidadão pelo desktop quanto no SAC MPF o usuário deve cadastrar a manifestação por meio de um formulário simples, com uma descrição da solicitação.

Ainda de acordo com informações da Assessoria de Comunicação do MPF, o aplicativo está incluído no planejamento estratégico institucional, assim como a criação das salas de atendimento ao cidadão. Existem 156 salas, atualmente, em todo o país. “Temos uma média de 4,7 dias de resposta ao cidadão e já temos 96,3% das manifestações finalizadas nesse período e o percentual residual decorre, muitas vezes, de informações mais detalhadas, que demandam pesquisa”, detalha o secretário-geral do MPF, Lauro Cardoso Pinto, em matéria publicada no portal do órgão.