Alguns módulos do Sistema Integrado de Administração de Serviços Gerais – SIASG, em especial o Catálogo de Materiais – CATMAT, estão passando por mudanças nas últimas semanas. Já anunciamos diversas delas aqui no CAB. A última novidade no sistema, implementada nesta semana, é o módulo chamado “Suspensão do Item”.

Essa funcionalidade serve para comunicar aos usuários a impossibilidade de novas compras de determinado item. O item suspenso não está nem ativo e nem inativo, funcionando como uma espécie de breve indisponibilidade. Um item ativo poderia ser usado de modo irrestrito, enquanto que o inativo poderia ser utilizado para qualquer outra finalidade que não seja a simples consulta.

A alteração afeta apenas os novos processos licitatórios, todos os que já geraram empenhos ou que houve o firmamento de contratos serão mantidos. Logo, quando for atribuído o critério de suspenso, o item não poderá ser usado em um novo processo licitatório.

O objetivo da mudança, segundo o Departamento de Logística – DELOG, da Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação – SLTI do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão – MPOG será reduzir a imensa quantidade de itens do catálogo em desuso ou defasado. Segundo a SLTI, o status “suspenso” já foi aplicado em 65.536 itens do Catálogo de Materiais.

O DELOG afirmou estar à disposição para auxiliar e orientar servidores e operadores do sistema sobre as mudanças. Dúvidas ou mais informações podem ser encaminhadas para delog@planejamento.gov.br.