A Anvisa suspendeu  e comunicou o recolhimento voluntário de alguns medicamentos em todo o território nacional nesta quarta-feira. A medida determina a retenção de distribuição e comercialização de vários lotes como medida de interesse sanitário. O recolhimento de medicamentos, ação prevista na legislação sanitária, deve ser adotado pelas empresas em casos de cancelamento de registro ou desvio de qualidade dos produtos.

Considerando que o recolhimento de medicamentos tira do mercado produtos que apresentam suspeita ou comprovação de desvios de qualidade – e oferecem riscos à população –, é importante que esse tipo de publicidade não se restrinja apenas ao Diário Oficial e ao sítio da ANVISA. Essas informações devem ser veiculadas em meios de comunicação como rádio, televisão e jornais de grande circulação, de modo a evitar problemas patológicos, como, de fato, foi feito.

O Laboratório Teuto Brasileiro S.A. está recolhendo 04 medicamentos, sendo eles:

a)         Paracetamol – lote 1998101 – em razão de ter sido encontrado um parafuso no lugar do comprimido, dentro do alvéolo do blister. Esse medicamento é um dos analgésicos mais utilizados pelas pessoas devido ao baixo preço e à facilidade de aquisição;

b)         Cetoconazol – lote 1048105 – pela presença de blister de outro medicamento dentro de embalagens secundárias.  O medicamento suspenso é antifúngico, conhecido comercialmente como Nizoral, e é encontrado em forma de comprimidos,  creme dermatológico ou de shampoo, sendo eficaz contra doenças de pele, como caspa e micoses;

c)         Nistatina creme vaginal – lote 8910019 – pela presença de bisnaga de outro medicamento dentro do cartucho do produto Nistatina; e

d)         Atorvastatina Cálcica – Lote 6909006.

Além dos medicamentos citados, também foi determinado o recolhimento dos seguintes medicamentos: Tabine, da empresa Meizler UCB Biopharma S.A.; Compressa de Gaze Cirúrgica, lote 5954, fabricado pela empresa Neve Indústria e Comércio de Produtos Cirúrgicos Ltda. – este não advindo de recolhimento voluntário; e o produto Tamsulom, lote 86119, fabricado pela empresa Zodiac Produtos Farmacêuticos S.A.