Foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira uma portaria que estabelece regras para o credenciamento de profissionais para atuarem como tutores dos cursos a distância oferecidos pela Secretaria Nacional de Segurança Pública – Senasp/MJ.

ead-senasp-mj
Ao inscrever-se, o candidato deverá optar por um único curso de interesse, dentro das 8 áreas temáticas da Matriz Curricular Nacional

De acordo com a norma, o objetivo do processo de credenciamento é “reunir profissionais que atuam na área de Segurança Pública ou Defesa Social, que podem ser operadores de segurança pública, estudiosos externos as corporações, especialistas ou pessoas com notório conhecimento, atuação ou produção científica na área, a fim de compor o quadro de tutores da Senasp que, após serem credenciados, poderão ser convidados a atuar como tutores, de acordo com a necessidade da Secretaria”.

O texto legal define, ainda, as funções do tutor. Cabe a ele facilitar e gerar intercâmbios no processo de interação, por meio do Ambiente Virtual de Aprendizagem para o desenvolvimento das ações formativas. O prazo de validade do credenciamento será de 24 meses, podendo ser prorrogado por uma única vez por mais 12 meses.

Como se credenciar para a tutoria de cursos da Senasp /MJ?

Para participação no processo de credenciamento o candidato deve comprovar cadastro no Banco de Talentos da Senasp – Educatio; experiência em docência na área de Segurança Pública ou Defesa Social por no mínimo 3 anos; formação em nível superior ou equivalente, reconhecida em âmbito nacional, para atuação nos Cursos Livres, observado o disposto em Edital específico; possuir, no mínimo, Especialização Lato Sensu para atuação nos Cursos de Graduação e Pós-graduação Lato Sensu ofertados pela Senasp na modalidade a distância, observado o disposto em Edital específico; dentre outras contidas na portaria.

Ao inscrever-se, o candidato deverá optar por um único curso de interesse, dentro das 8 áreas temáticas da Matriz Curricular Nacional.

O que é a rede nacional de ensino a distância?

Criada em 2005 pela Senasp/MJ, em parceria com a Academia Nacional de Polícia, a Rede Nacional de Educação a Distância–Rede EAD-Senasp é uma escola virtual destinada aos profissionais de segurança pública em todo o Brasil. Tem como objetivo viabilizar o acesso à capacitação continuada, independentemente das limitações geográficas e temporais.

Com a implementação da Rede EAD, a Senasp/MJ busca promover a articulação entre as Academias, Escolas e Centros de Formação e Aperfeiçoamento dos Operadores de Segurança Pública, de todo o Brasil, a partir de uma postura de respeito às autonomias institucionais, bem como aos princípios federativos.