Além de autorizar São Paulo a contrair empréstimos internacionais, o Senado Federal também autorizou a liberação de R$ 1,97 milhões em créditos extraordinários para fortalecer o caixa de diversos órgãos do Poder Executivo. As áreas abarcadas pelos recursos vão desde a Previdência Social, passando pela área de saúde e esporte e incluído também o setor de integração e agrário.

Leia a íntegra das tabelas contendo o direcionamento dos recursos no Diário Oficial da União.

Comentários do CAB: Parece que o Senado estava em um dia de “papai noel” ontem. Resta agora que os órgãos de controle verifiquem a legalidade da aplicação dos recursos.