O governador Agnelo Queiroz sancionou lei de autoria do deputado Chico Leite que prevê a obrigatoriedade de, nos pontos de embarque e desembarque, constar quadro informativo sobre:

a) as linhas que servem o local;
b) o itinerário de cada linha;
c) o valor da passagem;
d) os horários de circulação.

Comentário do CAB: embora o Distrito Federal esteja atrasado, pois poderia ter previsto essa tarefa de informar aos usuários como obrigação das novas concessionárias de transporte, oriundas da licitação em curso, espera-se que o decreto que regulamentar essa lei preveja que os quadros informativos sejam componentes de uma solução de TI, ao invés de quadros manufaturados que, certamente, ficarão desatualizados.

Faltou assessoria técnica ao governador para prever essa solução como parte da licitação em curso, dando cumprimento ao dever de planejamento do Gestor Público.